catolicoresp

Apenas defendendo minha fé, e cético em relação aos ateus

Paradoxo de Epicuro ou O Problema do Mal

with 3 comments

Ir para [Índice de Técnicas/Truques Lógicos] – [Página Inicial]

Eu pensei em fazer um post(talvez mais de um, dada a relativa complexidade do assunto) sobre o Problema do Mal, mas aí pensei: Oras, se eu for escrever sobre isso vou usar o William Lane Craig pra me ajudar, com toda certeza. Fui atrás de vídeos dele no youtube e descobri que é muito melhor que eu poste dois vídeos dele(que, somados, dão cerca de 15 minutos) que eu escrever tudo aqui em posts longos e que, com certeza, não terão a mesma eficiência que Craig para explicar a solução.

Portanto, hoje vou deixá-los com esses dois vídeos que, inclusive, recomendo que vejam na mesma ordem que estou postando, porque o segundo vídeo não apresenta muito bem o argumento, embora o explique muito bem. É exatamente por isso que coloquei dois vídeos distintos: Para o primeiro, achei que a apresentação do Problema do Mal estava melhor que o do segundo. Contudo, achei a explicação do segundo vídeo mais esclarecedora.

Apenas uns últimos comentários:
No segundo vídeo, eles comentam do debate de Craig e Hitchens… Acho que era o debate do primeiro vídeo, mas não tenho certeza… Se alguém puder confirmar, eu agradeço.

Também é interessante notar que o Craig chama a atenção para a ridicularização que o neo-ateísmo usa para disfarçar alguns pseudo-argumentos, e é importante estar atento a isso e desmascarar todo tipo de fraude que eles cometerem, mesmo que pareça algo de menor importância.

Por último, chamo atenção que o Craig cita o Paradoxo da Pedra de forma indireta(em 1:37 até 1:50, segundo vídeo) como exemplo de coisas impossíveis… Percebam que ele nem se incomoda com o suposto problema, tamanha a falta de credibilidade do argumento.

Anúncios

Written by catolicoresp

29/12/2011 às 18:00

3 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. […] com a parte final: A existência do mal na Terra não significa que Deus é mau, como já vimos no Paradoxo de Epicuro. Metade da argumentação já foi pro saco… E a outra metade? O homem é ou não culpado […]

  2. […] todo argumento Teísta precisa tratar do Paradoxo de Epicuro? Cada um que me […]

  3. […] o livre-arbítrio  nada tem a ver com a existência dessas coisas. Além de isso ser basicamente o Paradoxo de Epicuro, podemos também lembrá-los que Deus pode ter escolhido nos permitir tais sofrimentos como forma […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: